30 de setembro de 2016

Meia garrafa de um Saint-Émilion Grand Cru

Nome: Gravet-Rennaissance
Safra: 2010
País: França
Região: St. Emilion


Uvas/Corte: Merlot 65%, Cabernet Franc 35%
Teor alcoólico: 13,5%
Rolha: Cortiça

Onde foi comprado: Free shop do belo Aeroporto Charles de Gaulle, em Paris
Degustado em: 12 de setembro de 2015
Onde Bebeu: Em casa, no Rio
Harmonizado com: Ossobuco com arroz
Com quem: Claudio e Rafaela


Impressões da Rafaela
Neste dia eu estava com vontade de beber um espumante, mas Claudio me convenceu a escolher um tinto. No final nem foi tão ruim assim. Foi um vinho delicioso, bom do jeito que eu espero que um vinho seja. Gostei muito. Neste dia eu estava me preparando para as provas de minha segunda graduação, que seriam na semana seguinte. Beber este vinho me trouxe ótimas lembranças de St. Émilion. De sobremesa ainda teve um icewine trazido do Canadá pela mãe do Claudio no ano anterior.



Comentário do Claudio
Um típico vinho francês feito com um corte bem equilibrado de Merlot e Cabernet Franc que resultou em um vinho elegante, de boa acidez, estilo velho mundo, feito para acomapanhar comida. Agradável final com sabores concentrados na boca. Um vinho que dá prazer em beber. Pena que era apenas uma meia garrafa. Depois ainda provamos uma pequena garrafinha de um delicioso Icewine canadense. Dois vinhos em doses pequenas mas cheio de sabores, acompanharam bem o jantar.




Nenhum comentário: