13 de janeiro de 2015

Cheval des Andes 2003 e vários outros vinhos

Nome: Louise Brison Brut / Cheval des Andes / Valpolicella Classico Superiore Ripasso / Rosa Regale
Safra: 2006 / 2003 / 2009 / 2012
País: França / Argentina / Itália / Itália
Região: Champagne / Mendoza / Sommacampagna / Toscana
Produtor: Le Grand Mallet / Cheval Blanc & Terrazas de Los Andes / Tenuta Lena di Mezzo / Banfi
Importador: La Cave Jado

Uvas/Corte: - / Malbec, cabernet sauvignon e petit verdot / Corvina, rondinella e molinara / Brachetto d'Acqui
Teor alcoólico: 13,5% / 14% / 14% / 7%
Rolha: Cortiça
Onde foi comprado: Champagne e Cheval des Andes trazidos pelo Alexandre / Valpolicella foi presente de aniversário do Alexandre para o Claudio em 2012 / O vinho de sobremesa, a Rafaela quis comprar quando visitou a Vinícola Banfi, na Toscana
Degustado em: 7 de dezembro de 2014
Onde bebeu: Em casa
Harmonizado com: Queijos e tomatinhos de entrada, massa caseira e sobremesas do Guerin
Com quem: Claudio, Rafaela, Alexandre e Vanessa com Luiza na barriga

Impressões da Rafaela
A conversa estava tão animada que quando vimos três garrafas já tinham ido embora. Não que a Vanessa e eu tenhamos bebido muito. Aliás, a Vanessa só provou um pouquinho. Durante o dia, fomos passear em Niterói, no MAC e no Parque da Cidade, de onde se tem uma bela vista do Rio. Na volta, almoçamos em Ipanema e voltamos para casa, onde Claudio, sob o olhar atento da Vanessa, preparou a massa e o molho para mais tarde. Começamos o outro dia bebendo este vinho doce da Banfi e comendo as sobremesas do Guerin. No domingo, aproveitamos para dormir um pouco mais e depois fomos dar uma caminhada no Leblon, onde comemos no Venga e um sorvetinho no Momo. Logo depois chegou a hora de levarmos os três ao aeroporto. É sempre um momento triste. Bom saber que em 2015 teremos muitos outros encontros.

Comentário do Claudio
Exame gustativo: Bons vinhos combinam com um bom papo. Assim foi a noite de sábado com os amigos Vanessa e Alexandre lá em casa. Depois de passearmos durante o dia, resolvemos que faríamos alguma coisa em casa para comer e abriríamos alguns vinhos especiais. Assim foi. O primeiro vinho que abrimos foi um Champagne, o Luis Brison Brut 2006, complexo, notas de fermentação e notas bem evoluídas. Belo Champagne trazido pelo Alexandre. Na sequência, abrimos o Cheval des Andes 2003, vinho que o Alexandre esperou completar 10 anos e abriu conosco. Há alguns anos tínhamos bebido uma garrafa da safra 2004, também em casa (leia aqui) e combinamos de beber este outro juntos. O dia chegou. Na verdade nem percebemos, mas a garrafa foi embalando o nosso papo e de repente já estava no último gole. Podemos afirmar que o vinho harmonizou com perfeição com a conversa. Este é um argentino que mistura bem potência com elegância e tem bom potencial de guarda. Acho que ainda dava para esperar mais uns anos para abrir a garrafa. Partimos para o jantar, que seria a nossa massa caseira, e nada melhor que um vinho italiano para acompanhá-la. Escolhemos uma garrafa que ganhei de aniversário deles, um belo e agradável Valpolicella Ripasso. Para finalizar, abrimos um espumante italiano rosé, de sobremesa que compramos quando visitamos o Castello di Banfi. Boa surpresa, foi muito bem com nossa sobremesa. Noite animada, de bom papo e bons vinhos.

Nenhum comentário: