12 de setembro de 2013

Jantar em Paris com um belo branco do Loire: Domaine Philippe Gilbert Menetou-Salon - 2011

Nome: Domaine Philippe Gilbert Menetou-Salon
Safra: 2011
País: França
Região: Menetou-Salono
Produtor: Domaine Philippe Gilbert
Importador: -

Uvas/Corte: Sauvignon Blanc
Teor alcoólico: 13,5%
Rolha: Cortiça
Numeração da garrafa: -
Preço: 27 euros
Onde foi comprado: La Rosa Blu, em Paris
Quando foi comprado: 31 de julho de 2013
Degustado em: 31 de julho de 2013
Onde bebeu: La Rosa Blu, em Paris
Harmonizado com: Salada de camarões, acelga, salsa e coentro / brochete de magret du canard, tofu, linguiça tailandesa e arroz selvagem
Com quem: Claudio e Rafaela

Comentário do Produtor
-

Impressões da Rafaela
Para fazer uma viagem tranquila até o aeroporto de Roma, deixamos Sorano bem cedo. Ainda tínhamos de devolver o carro, conferir o peso das malas, almoçar... No final, tudo foi mais rápido do que o planejado. Deu tempo para almoçarmos com calma, passear pelas lojinhas e observar os muitos brasileiros que estavam esperado o voo para voltar ao Brasil. No avião, dois grupos de excursões de brasileiros sentaram perto de nós, no fundo do avião. Se caísse, ia virar capa de todos os jornais do Brasil (desculpem aí, mas às vezes tenho esses pensamentos esquisitos). Ao nosso lado, estava um simpático mineiro, o Ronan, acompanhado de seu próprio grupo, os três filhos. Conversamos bastante, o que tornou a viagem mais rápida e agradável. Chegando a Paris, seguimos direto para o hotel. Já era um pouco tarde, mas pegamos aberto o restaurante que o Claudio havia gostado bastante nos primeiros dias de viagem. O proprietário era bem simpático e Claudio travou uma conversa com ele em uma mistura de francês, inglês, italiano... Nesta noite, conhecemos o dono de uma loja de vinhos, a qual o Claudio visitou no dia seguinte. O vinho estava muito bom.

Comentário do Claudio
Rótulo: 
Exame visual: -
Exame olfativo: 
Exame gustativo: Depois da nossa excelente temporada na Toscana, voltamos para Paris para passar mais alguns dias antes de nossa volta ao Brasil. Chegando em Paris, resolvemos jantar em um restaurante que havia visto nos primeiros dias da viagem. O restaurante me chamou a atenção por servir vinhos em taça e ter uma estante com vinhos muito bem selecionados à venda. Na entrada, estavam expostas duas resenhas que me pareciam falar bem do restaurante. Lugar escolhido, a segunda missão era escolher qual vinho provaríamos. Pensei em escolher um branco ou um Champagne. Estava quase escolhendo um branco do Loire, quando o dono do restaurante veio e me indicou este aqui, que era até mais barato. Ele me disse que o vinho era muito bom. Aceitei a dica e que bela dica! Um vinho excelente de uma região do Loire que não conhecia. Vinho biodinâmico, de bom corpo, evoluiu muito taça. Muita fruta em boca, algo tropical com uma mistura muito rica e interessante de maracujá, pêssego e pera. Vinho muito prazeroso, de boa complexidade e muita elegância. Acompanhou muito bem nosso jantar em nossa volta à capital francesa.
Nota: 88.0

Nenhum comentário: