22 de julho de 2013

Em Roma, com um vinho da Sardenha: Costera - Cannonnau 2010

Nome: Costera
Safra: 2010
País: Itália
Região: Sardenha
Produtor: Argiolas
Importador: -

Uvas/Corte: Cannonnau di Sardegna
Teor alcoólico: 14%
Rolha: Cortiça
Numeração da garrafa: -
Preço: -
Onde foi comprado: Braci e Abbracci
Quando foi comprado: 12 de julho de 2013
Degustado em: 12 de julho de 2013
Onde bebeu: Restaurante Baci e Abbracci, Piazza Bologna, em Roma
Harmonizado com: Fettucine al pomodoro e basilico e fettucine al funghi porcini
Com quem: Claudio e Rafaela

Comentário do Produtor
Colore: rosso rubino intenso con sfumature granata. Olfatto: intensamente vinoso, tipico del Cannonau.
Gusto: caldo, rotondo, di buona struttura ed ottimo equilibrio.


Comentário da Rafaela
Exame visual: -
Exame olfativo: -
Exame gustativo:  Acho que ainda não escrevi, mas a Air France perdeu minha mala. Eu não lamento pela maioria das roupas, mas por uma blusa que minha mãe fez de frivolitè há mais de 10 anos, pelo vestido novo e caro da Desigual, meu estojo novo de maquiagem (nem deu tempo de eu me aventurar), meu pente (um dos objetos mais antigos que tenho, que está comigo há 21 anos!) e umas poucas coisas mais. Tive de comprar umas roupas novas, um pente novo... Tirando isso, o primeiro dia em Roma foi muito bom. Caminhamos pela Via del Corso, vimos o monumento a Vittorio Emanuelle (na minha família, há muitos Vitórios), visitamos a Fontana di Trevi e a Piazza di Spagna. Jantamos aqui no bairro, junto com outros locais, perto da Piazza Bologna. Foi ótimo, até brincamos com o garçon, quando ele veio falando em espanhol. :-) Foi uma noite agradável. O vinho estava saboroso! A massa fresca é daquelas que dá vontade de comer todos os dias.
Nota: -

Comentário do Claudio
Rótulo: -
Exame visual: -
Exame olfativo: Início com leve álcool e frutas vermelhas.
Exame gustativo: Nosso segundo jantar em Roma foi também na área residencial perto de nosso hotel. Um simpático restaurante, repleto de italianos, provavelmente moradores da região. Restaurante de boa comida, e uma carta de vinhos não muito longa, mas com vinhos de diversas regiões italianas. Resolvemos variar um pouco de região e escolhemos este tinto da Sardenha de um produtor bastante interessante. Vinho muito bem feito, que ainda vai evoluir com mais tempo em garrafa. Em boca, ele estava ainda jovem, com taninos vivos, notas de ameixa madura e final de boca intenso. Com certeza, ele ainda vai evoluir. Bom vinho e mais uma noite agradável na capital Italiana.
Nota: -

Nenhum comentário: