6 de julho de 2013

Corbec - Masi 2009 com Polpettone

Nome: Corbec
Safra: 2009
País: Argentina
Região: Valle de Uco
Produtor: Masi
Importador: -

Uvas/Corte: Corvina veronese e malbec
Teor alcoólico: 14,5%
Rolha: Cortiça
Numeração da garrafa: -
Preço: -
Onde foi comprado: Winery, em Buenos Aires
Quando foi comprado: Dezembro de 2012
Degustado em: 8 de junho de 2013
Onde bebeu: Em casa
Harmonizado com: Massa e Polpettone Voilà
Com quem: Claudio e Rafaela

Comentário do Produtor
Rosso vigoroso di grande ricchezza e intensità, dallo stile cosmopolita e anticonformista.
È vino moderno e innovativo, prodotto nella tenuta La Arboleda Masi Tupungato in Argentina, applicando l'expertise di Masi nella tecnica dell'Appassimento.
L'eleganza della Corvina, con i suoi sentori di ciliegia sovramatura e l'ampio vellulato, unita all'esuberante virilità e tannicità del Malbec, dona un inedito profilo aromatico-gustativo.

Comentário da Rafaela
Exame visual: -
Exame olfativo: -
Exame gustativo: O brinde da noite foi dedicado à Maria Victória, nossa nova afilhadinha. Este é um vinho com acidez na medida certa, supergostoso. Neste dia, fizemos um belo passeio pelo Centro, região linda da cidade, apesar de um pouco mal cuidada. A Praça Tiradentes promete se transformar em um local muito interessante nos próximos anos. Almoçamos no Bar Luiz. Foi ótimo!
Nota: 90.0

Comentário do Claudio
Rótulo: -
Exame visual: Grená vivo
Exame olfativo: Fruta como ameixa madura e leve madeira. Evolui para algo picante  e chocolate.
Exame gustativo: Mais um bom vinho produzido pela Masi na Argentina. Masi é um belo produtor do Vêneto, sempre uma referência com seus Amarones. São experts na técnica de apassimento: após colhidas, as uvas são colocadas para secar, assim concentrando aromas e sabores. A Masi passou a fazer o mesmo com seus vinhos na Argentina. Este Corbec é um corte de uma uva tradicional do Vêneto, a Corvina, com a Malbec, uva-símbolo da Argentina. Além do original corte, a técnica de pacificação também foi usada, o que resultou em um vinho de muito personalidade, único. Em boca, bastante fruta madura, leve notas adocicadas, como caramelo e tostado. Nada é exagerado, tudo na medida certa, álcool integrado, assim como a madeira. Final de boca de boa intensidade, fruta madura que fica por um bom tempo em boca. Foi muito bem com  nossa massa e o polpettone. Um vinho muito gostoso e original que vale provar.
Nota: 91.0

Nenhum comentário: