5 de junho de 2013

Noite de muitos e bons vinhos no encontro de professores

No dia 24 de abril, aconteceu mais um encontro dos meus colegas professores da PUC-RJ. Neste semestre, escolhemos o tema "vinho" para os alunos do 5º período da graduação em Design desenvolverem seus projetos. E nada melhor que um encontro com vinhos para uma reunião de professores. Depois de adiarmos algumas vezes, conseguimos marcar em uma agradável noite na casa da Joy. Fiquei com a missão de selecionar os vinhos do encontro, que contou com a presença de Joy, Vitoria, Tatiana, Roberta, Carla, Monica, Flavia, Jorge, Marcelo, Ana e eu. Os vinhos foram os seguintes:

- ZirloTalenti 2011 - Vinho que escolhi para abrir a noite. Um vinho toscano, corte de uvas francesas, muito bem feito e de excelente custo/benefício. Não é um vinho complexo, mas agradável e uma ótima companhia para pratos de massas.

- Achaval Ferrer Malbec 2011 - Esta safra do malbec da Achaval Ferrer está muito boa. Já havia bebido este vinho de entrada da vinícola de outras safras. Sempre foi um bom vinho, mas este está melhor, com intensidade e boa fruta, equilíbrio e elegância. Vinho para beber agora e para guardar um pouco, vai crescer na garrafa. Belo vinho e boa surpresa.

- Beronia Reserva 2007 - Terceiro vinho da noite, um belo vinho espanhol. Vinho com taninos finos, arredondado pela madeira que está presente de maneira correta. Boa complexidade e elegância, fácil de se gostar. Um vinho sem erro.

- Nimbus Estate Cabernet Sauvignon 2010 - Gosto muito desta linha de vinhos chilenos. Sempre muito consistentes. Este Cabernet mostrou todo seu potencial. Acho que está ainda um pouco novo, vale esperar um pouco para abrir, certamente com mais um par de anos será um belo companheiro para uma comida de peso. Durante a noite, evoluiu muito na taça.

- Meandro do Vale Meão 2009 Douro - Um ótimo vinho. Havia provado este vinho no evento Douro Boys na presença do produtor. Tinha achado, na época, este 2009 especialmente bom, o que me deixou com vontade de prová-lo novamente. Nesta noite, o vinho mostrou todas as suas qualidades: clássica intensidade de fruta dos vinhos do Douro, com muito equilíbrio, complexidade e permanência. Belo vinho, que ainda vai evoluir muito na garrafa. Vale provar.

- Arerunguá Tannat 2006 - Saímos de Portugal e seguimos para o Uruguai. Esperava um pouco mais deste Tannat. É um belo vinho, mas acho que fui provar com uma expectativa alta. Um vinho já pronto para beber que não deve evoluir. Um Tannat com taninos já redondos.

- La Segreta Planeta - Comprei este vinho italiano para ficar de back-up. Caso as pessoas estivessem animadas, abriríamos mais esta garrafa... Abrimos. Este vinho é um bom vinho, mas mais simples que os outros degustados. Um vinho correto e que irá bem com uma pizza.

Foi uma noite muito agradável e divertida. Fomos muito bem-recebidos pela Joy e pela Vitoria. Espero que venham novos encontros.

2 comentários:

Joy Till disse...

É sempre um prazer receber vocês!! A noite foi muito agradável e seu post super útil para podermos lembrar das delícias etílicas!!
beijos e obrigada, mais uma vez, pela ótima seleção :-)

Tatiana Messer Rybalowski disse...

Nóóóssa! A seleção foi espetacular, a companhia, maravilhosa. Agora vamos aos brancos;)