29 de agosto de 2012

Estacion Por Venir - 2007

Nome: Estacion Por Venir
Safra: 2007
País: México
Região: Valle de Guadalupe
Produtor: Union de Productores del Valle de Guadalupe
Importador: -

Uvas/Corte: Petite Sirah, Cabernet Sauvignon,Zinfandel, Barbera
Teor alcoólico: 13,3%
Rolha: Cortiça
Numeração da garrafa: -
Preço: -
Onde foi comprado: Gentilmente presenteado ao Claudio pelo tio Carlos e Lucila
Quando foi comprado: -
Degustado em: 25 de julho de 2012
Onde Bebeu: Em casa, no Rio
Harmonizado com: Salada e pizza
Com quem: Claudio e Rafaela

Comentário do Produtor
It’s a medium-bodied and low-medium structured wine, to be enjoyed alone or in
company of lightly spiced meat or pasta. It has fruity character, no oak notable.

Comentário da Rafaela
Exame visual: Parecia ter um dementador dentro da taça, mas ele era inofensivo.
Exame olfativo: Bem alcoólico no começo, mas depois melhorou.
Exame gustativo: Estávamos há meses para abrir os vinhos mexicanos que o Claudio ganhou do tio Carlos. Finalmente, tomamos a decisão. Confesso que estava com um pouco de medo, bobo, porque raramente abrimos vinhos do México. Foi uma boa surpresa no final das contas. Na verdade, se eu não soubesse que é mexicano, provavelmente acharia que é de um país bem conhecido.
Nota: 89.0

Comentário do Claudio
Rótulo:
Diferente, original e bem interessante. Em um papel texturizado e com círculos cortados. Gostei.
Exame visual: Grená vivo.
Exame olfativo: Início com um pouco de álcool depois surgiram notas de groselha e pimenta preta.
Exame gustativo: Este é o terceiro vinho Mexicano que comentamos aqui no Blog e todos nós ganhamos do tio Carlos e da Lucila. Eles importam a tequila Revolution para o Brasil além de outros produtos de gastronomia e em uma de suas viagens ao México comprou alguns vinhos e gentilmente nos presenteou. Assim como o rótulo este vinho é diferente e inusitado. A começar pelo seu corte, nunca tinha provado nada com esta combinação de uvas, deve ser unica e deixa o vinho bem peculiar. Vinho de corpo médio, uma mistura de notas de pimenta, especiarias (algo picante)e fruta em boca. Seu final se concentra na boca e aparece notas levemente doces. Um vinho que muda bastante em taça e com o passar do tempo seu final caiu um pouco. Um vinho diferente que gostei de provar. Em geral os três vinhos mexicanos que provamos mostraram bons resultados. 
Nota: 87.0 +

Nenhum comentário: