18 de junho de 2010

Tosca - Chianti Colli Senesi 2006 - 18ª Harmonização Virtual





* Esta é a 18ª Harmonização Virtual Entre Blogs, realizada pelo Gourmandise e pelo Le Vin au Blog. Participaram os amigos Alexandre e Vanessa do Menu de Baco e Daniel do Vinhos de Corte. Não percam também o relato muito especial do Roberto, do Antica Osteria Marino.

Nome: Tosca
Safra: 2006
País: Itália
Região: Montepulciano, Toscana
Produtor: Tenuta Valpiatta
Site: http://www.valdipiatta.it/eng/pag/contatti.htm
Importador: Zahil

Uvas/Corte: 90% Sangiovese, 10% Canaiolo Nero
Teor alcoólico: 13,5%
Rolha: Cortiça com leve infiltração
Numeração da garrafa: -
Preço: Gentilmente oferecido pela Lilian, da Zahil
Onde foi comprado: -
Quando foi comprado: 16 de junho de 2010
Degustado em: 17 de junho de 2010
Onde bebeu: Em casa, no Rio
Harmonizado com: Fettuccine Bolognese, receita adaptada, pela Nina do Gourmandise, da receita do chef André Mifano (restaurante Vito).
Com quem: Claudio e Rafaela

Comentário do Produtor
Vermelho rubi com reflexos violáceos. Translúcido, bastante fluído. Muito frutado, desde o início, com toques delicados de madeira, evoluindo para caramelo com algum tempo de taça. Bom equilíbrio na boca, com taninos expressivos.

Comentário da Rafaela
Exame visual: -
Exame olfativo: -
Exame gustativo:Existem vinhos que parecem ficar melhor sozinhos do que acompanhados. Não é exatamente o caso desse, mas quase. Quando começamos a degustação, eu estava pensando isso, que talvez - apesar de italiano e da fama de italianos acompanharem bem uma comida - ele ficasse melhor sozinho, mas a percepção foi mudando à medida que ele ia respirando um pouco mais. Claudio achou que ele estava com um leve gosto de rolha. Um pouco, mas nada que atrapalhasse o sabor. A coisa ruim do vinho era o gosto excessivo de álcool. Em relação à harmonização, creio que saiu empate - bem no clima desta Copa do Mundo. Tanto o prato e o vinho, juntos, mostraram-se bem equilibrados, apesar de não mostrarem ser a combinação dos sonhos. O prato é realmente bem gostoso. Acabei me lembrando de outra degustação que fizemos com pedacinhos de carne que derretiam na boca. O prato conserva o gosto lácteo dos ingredientes. A receita vale ser repetida.
Nota: 88.0
Harmonização: 88.0

Comentário do Claudio
Rótulo:
Desequilibrado, merece um novo desenho.
Exame visual: Rubi bastante translúcido. Cor de Chianti.
Exame olfativo: Nariz fechado e com notas que pareciam que o vinho estava Bouchonee.
Exame gustativo: Gosto bastante de Chiantis, acho que é um tipo de vinho agradável para acompanhar comidas sem um peso muito grande. Estava com bastante espectativa com relação a esta harmonização. Posso estar sendo chato, mas acho que o vinho não estava em 100% de sua forma. Dava para perceber que o vinho tinha mais a apresentar e algo estava em desacordo. E pelo simples fato de achar que o vinho não estava em perfeitas condições, isso atrapalhou um pouco a harmonização. Gostei muito do prato. A carne ficou com uma textura levemente cremosa, muito macia e com sabores bem interessantes. Um prato que recomendo. O ataque inicial do vinho junto com a comida funcionava muito bem, um certo equilíbrio com uma combinação agradável. Contudo, o seu final acentuava o álcool. Vou provar novamente este vinho para tirar minhas dúvidas e depois coloco minhas notas aqui.
Nota: -

2 comentários:

ROBERTO (ANTICA OSTERIA MARINO) disse...

\olá pessoal!pensei que fosse para amanhã a harminização mas deu tempo. Missão cumprida.
Abbracci!

ROBERTO (ANTICA OSTERIA MARINO) disse...

Olá caros Rafaela e Claudio. Posso assegurar-lhes a emoção que tive de fazer essa harmonização com meu pai foi a mesma que vcs tiveram ao lê-la.Fico feliz que possamos(nós todos) passar um pouco daquilo que sentimos quando cozinhamos, aos nossos amigos e familiares , num tempo como agora em que ninguém mais vai para a cozinha por amor. Un tempo senza nonna nella cucina, de nonna fast food nos shoppings...

Obrigado e até a proxima harmonização!