9 de junho de 2010

Degustação de Vinhos da Espanha



Dia 8 de junho, participamos da Degustação de Vinhos da Espanha. Como o horário estava apertado, acabamos provando apenas alguns dos vinhos apresentados.

Comentário da Rafaela
Ficamos bem felizes quando fomos convidados para a degustação de vinhos espanhóis e logo nos programamos para participar. Só não esperávamos que vários outros compromissos acabassem sendo marcados para o mesmo dia. O resultado foi que acabamos ficando menos do que gostaríamos. Eu até poderia ter ficado um pouco mais, mas apesar de estar de férias nesta semana, tinha alguns assuntos do mestrado para serem resolvidos e precisei voltar para casa logo. A degustação foi realizada no Sheraton Rio, na Avenida Niemeyer.

Para início de conversa, a vista do foyer onde foi realizada a feira é muito bonita. E os organizadores capricharam, pois havia um número significativo de vinícolas, representadas por simpáticos espanhóis. Como ficamos pouco, acabamos conversando apenas com cinco deles. O mais animado e simpático estava ali para apresentar a 'vinícola de su papa', a Vintae. Ricardo nos mostrou todos os vinhos, fazendo comentários e "chistes". Os vinhos brancos, da série Spanish Guerrilla, são muito bons e têm rótulos engraçados. O vinho que gostei mais foi o Nine, uma mistura muito boa de tempranillo com cabernet franc, duas uvas que gosto muito.

Dali, seguimos para a Dominio Basconcillos, onde fomos atendidos por um espanhol bem arrumadinho. O Viña Magna Reserva vale ser provado, pena que ainda não tenha importadora por aqui - tomara que tenha conseguido uma durante a feira. Ah, sim, a primeira prova que fizemos foi de um espumante do Grupo Freixenet, chamado Elyssia, muito gostoso. Passamos um bom tempo provando os vinhos das Bodegas Ramón Bilbao. Gostei especialmente do Ramón Bilbao Mirto. Se pudesse, faria um jantar hoje mesmo acompanhado por esse vinho. Pena que não vende aqui no Brasil, ainda. Na saída, provamos um branco, o Valserrano Crianza, das Bodegas de La Marquesa. O chato é que tivemos de sair correndo e nem pudemos provar outros ou dar a atenção que o moço simpático que nos atendeu merecia. Quem sabe numa próxima.

Um comentário à parte: Gosto muito de ir a essas feiras. São ótimas para descobrir vinhos bem interessantes. Pena que grande parte delas tenha preços tão fora da nossa realidade - em breve serão realizadas a da Mistral, que custa R$ 290 (!!!) por pessoa e a da Decanter, R$ 180 por pessoa. Devem ser bem legais, mas sinceramente não acho que sejam muitos os enófilos com toda essa grana para gastar numa feira. Claro que trazer os produtores custa dinheiro e talvez o público final nem seja o público-alvo, mas bem que podiam oferecer ingressos por um valor menos surreal.

Comentário do Claudio
Nesta terça, estivemos no evento "Vinos de España", uma iniciativa do Instituto Español de Comercio Exterior (ICEX) junto com a Cámara de Comercio e Industria de Valladolid y la Oficina Económica y Comercial de la Embajada de España en Sao Paulo. Evento muito bem organizado, com cerca de 40 expositores/produtores espanhóis, a grande maioria sem importadores para o Brasil. Devido a outros compromissos agendados, tivemos pouco tempo no salão do Sheraton. Ainda assim, conseguimos comprovar a qualidade dos produtos apresentados em cinco expositores, nos provamos os vinhos. Vamos aos destaques:
- Do grupo Freixenet, provamos o ótimo Elyssia Pinot Noir, cava rosé bastante fresco;
- Seguimos para conhecer a linha de vinhos da Vintae - www.vintae.com - onde conversamos com Ricardo. Garrafas e rótulos interessantíssimos. Para que aprecia rótulos difentes, vale conhecer. Além dos rótulos, uma linha de vinhos de brancos chamada Guerrilla. Vinhos aromáticos, leves e refrescantes com um baixo custo. Tem tudo para fazer sucesso aqui no Brasil. Todos os tintos provados mostraram qualidades, destaques para a linha "9".
- Na sequência, provamos os 3 excelentes vinhos da Viña Magna - www.dominiobasconcillos.com. Vinhos da Ribeira del Duero, alta qualidade, de produção pequena e muito bem acabados. Ao provar os vinhos, ficamos imaginando que eles seriam excelentes companhias para comidas. Espero que estes vinhos cheguem ao Brasil.
- Na Ramón Bilbao - www.bodegasramonbilbao.es - começamos provando um ótimo Albariño, o Mar de Frades. Impressionou a qualidade dos vinhos, desde a linha de entrada até o seu top, o excelente Mirto que nos deixou a vontade de degustar uma garrafa com mais calma.
- Por último, estivemos na Bodegas de la Marquesa - www.valserrano.com -, onde provamos mais um ótimo branco, à base de Viura.

A impressão geral foi de um evento muito bem organizado, vinhos mais básicos com uma qualidade interessante, boas surpresas com os vinhos brancos e vinhos de gamas superiores muito bem feitos. Esperamos que logo possamos ver esses vinhos com importadores para o Brasil.

Nenhum comentário: