18 de julho de 2007

Pergunta da Semana - 21

Queremos saber das suas experiências no mundo do vinho e por isso toda quarta-feira colocaremos aqui uma pergunta nova. Participe! Le Vin au Blog agradece!

Nesta semana, Le Vin au Blog quer saber:

- Você costuma beber vinhos em restaurantes?

12 comentários:

Marcel Miwa & Nina Moori disse...

Quando almoço costumo não beber nada alcóolico, mas no jntar peço uma taça de vinho. Acho o preço abusivo em restaurantes e por isso opto por esta. O grande problema é que na maioria das vezes os vinhos disponíveis em taças não harmonizam muito bem com os pratos. Nina.

mauro disse...

É raro mas acontece,depende da ocasião e do grupo que esta à mesa.
Abraços.

Carioca disse...

so se tiver no minimo 3 pessoas bebendo a mesa. taças em restaurantes ou a variedade é limitada ou o preço cobrado é limitador. agora re-inventaram a meia garrafa que nao quer dizer que seja meio preço da normal (em alguns casos chega a 70% do valor).
abraços,

gerson disse...

durante a semana, no almoço não bebo nada com alcool, no jantar e almoço nos finais de semana,as vezes dá para tomar vinho, mas o preço nos restaurantes ainda é muito caro. Por isso bebo mais em casa.

Ricardo disse...

Não costumo pedir vinhos em restaurantes.
Na minha opinião, um jantar em casa, com amigos, abre a possibilidade de degustar vinhos de melhor qualidade e menor preço.
Sem falar na comodidade.
Claudio e Rafael, sou seu fã! :o)
aquele abraço...

gerson disse...

Olá, descobri algo muito importante, qdo bebi um Periquita 2004, tive uma enorme dor de cabeça e culpei o vinho, mas essa semana, bebi pela 3ª vez um Santa Carolina Merlot 2005 e dessa vez tbm tive muita dor de cabeça, no caso do Periquita não tive coragem de repetir, mas agora repeti o vinho no dia seguinte e não senti nada, ficou a dúvida: o que terá provocado a dor de cabeça nas duas vezes? Estou investigando. Abraços

VASCOncelos disse...

A questão é que depois que passei a me interessar por vinhos e pesquisar os melhores preço e lugares para comprar, não consigo pagar os preços superfaturados dos restaurantes quando sei quanto custaria a garrafa na loja (meu lado homem racional atuando para desespero de minha mulher), portanto só bebo em raríssimas situações. Parabéns pelo blog.

le vin au blog disse...

Olá, Gerson!

Claudio nunca passa por isso, mas eu já tive várias vezes dor de cabeça após degustar um vinho. No meu caso, e talvez também o seu, o problema é estar com o estômago vazio. Para tentar evitar a dor de cabeça derivada dessa causa, passei a comer uma boa parte da refeição antes de dar o primeiro gole. O efeito tem sido positivo. Outra coisa que ajuda - e muito - é beber muita água enquanto degusta o vinho. Bebo um copo de água para cada taça ingerida. Essas duas medidas têm tido efeitos muito positivos. Espero que tenha ajudado. :)

Abraços. Rafaela

P.S.: E lembre-se: quanto melhor o vinho, menor a chance de dar dor de cabeça. :)

Abs., Claudio

Le Vin au Blog disse...

Olá, Vasconcelos.
Obrigado pelos seus comentários.
Sobre o Terranoble, acredito que você terá uma boa surpresa ao degustá-lo. Não esqueça de nos mandar seus comentários sobre o que achou do vinho. Ah, e tente provar o Salton Volpi Merlot. (Gerson, você também!) Gostaríamos de saber o que acharam.

Abraços.
Claudio e Rafaela

le vin au blog disse...

Ricardo, muito obrigada pelo comentário. Temos opinião semelhante a sua.
Mande-nos o endereço do seu blog. Gostaríamos de visitá-lo.

Abraços.
Claudio e Rafaela

le vin au blog disse...

Assim como o Ricardo, devido aos preços cobrados nos restaurantes, preferimos na maior parte das vezes beber nossos vinhos em casa mesmo. Quando eventualmente saímos com amigos que bebem vinhos, até nos arriscamos a pedir uma garrafa.
Existe ainda outro agravante. Já nos sentimos lesados quando compramos vinhos com preços caros nas lojas, imagina qual é o sentimento ao ver a carta de vinhos nos restaurantes.
É uma pena, pois um jantar bacana com um vinho sempre fica ainda mais interessante.

Abraços.
Claudio e Rafaela

Robert disse...

Quando o preço não é abusivo ( restaurante Materello na Vila Madalena, por exemplo ), sempre peço a noite ( pois é mais fresco )...